Yamaha YS 250 Fazer - Ficha Técnica, Espeficicações e História

Sendo fabricada desde 2005 a Fazer 250 foi uma das primeiras motos com injeção eletrônica do Brasil.

A fazer 250 foi a resposta da Yamaha aos modelos de 250 cilindradas do mercado na época, dotada de um motor SOHC de manutenção simples quebrava aquela velha máxima de que motos da marca eram difícil de manter.

Aqui, você encontra várias informações importantes para conhecer melhor esta moto, a ficha técnica e a história da Yamaha Fazer 250, seja para uma tomada de decisão de compra, ou para conhecer mais.

A Fazer 250 marcou o início dos anos 2000 por seu visual, mas principalmente por sua mecânica de 4 tempos de manutenção simples, sendo a primeira moto street da marca com esta mecânica no Brasil. 

Além de ter sua mecânica compartilhada com a Lander 250 e Tenéré 250 as duas trail da marca japonesa.

O modelo de lançamento da Fazer 250cc trazia farol redondo, já contava com rodas de liga leve, freio à disco dianteiro e uma excelente ciclística, além de seu motor SOHC 250cc.

Além do mais esta moto em seu ano de lançamento conquistou dois prêmios de moto do ano de 2006 e 2007 por suas características que traziam novidades ao mercado.

O primeiro facelift da fazer 250 que perdurou até o ano de 2018 sendo substituído pelo visual atual. 

Em 2010 a Fazer 250 passa por seu primeiro facelift alterando totalmente seu visual, sem nenhuma alteração mecânica. 

Á partir do ano de 2018 junto com seu facelift mais recente a fazer 250 passa a contar com o sistema de freio autobloqueio (ABS) tornando a moto mais segura.

Além do mais seu design atual deixou a moto com um visual mais agressivo e contemporâneo em comparação com sua concorrente a Twister 250 da Honda. 

Fazer Blueflex

Lançada em 2012 como a primeira moto 250cc flex do mundo, o modelo Blueflex da fazer permitia o uso de alcool e gasolina, ou ambos.

Apesar da mudança de combustível a moto ainda preservava o mesmo conjunto mecânico confiável e conhecido do público.

Ficha Técnica da Fazer 250

Motor

  • Cilindradas: 249,5 cm³ SOHC, 2 válvulas, 4 tempos
  • Taxa de compressão: 9,8:1;
  • Arrefecimento: Ar e óleo
  • Combustível: Etanol e Gasolina
  • Alimentação: Injeção eletrônica por bomba elétrica
  • Potência: 21,3cv a 8.000 rpm (Gasolina) / 21,5cv a 8.000 rpm (Etanol);
  • Torque: Gasolina e Etanol: 2,1 kgfm a 6.500 rpm;
  • Partida: Elétrica 
  • Transmissão: 5 velocidades

Freios

  • Dianteiro: Disco hidráulico de 282mm com ABS;
  • Traseiro: Tambor

Dimensões

  • Peso seco: 149 kg
  • Peso com óleo e combustível:  --
  • Comprimento: 2.015 mm
  • Largura: 770 mm
  • Altura total: 1.360 mm
  • Altura assento solo: 790 mm
  • Distância do solo: 160 mm
  • Distancia entre eixos: 1.345 mm

Pneus e Roda

  • Pneu dianteiro: Pirelli sport demon 100/80 – 17 m/c 52h
  • Pneu traseiro: Pirelli sport demon 140/70 – 17 m/c 66h.

Capacidades

  • Tanque: 14 Litros (reserva 3,2L)
  • Carga máxima: --
  • Suspensão dianteira: Garfo telescópico / 130mm.
  • Suspensão traseira: Balança traseira tipo Monocross / 120mm.

Outras informações

  • Ano de fabricação no Brasil: 2005-Atualmente

Conteúdos sugeridos

  • Quer ver mais fichas técnicas de outras motos? Clique aqui

Comentários

Postagens mais visitadas